Bonecas Abayomi – 4º Anos B e D - EFI

 


Um dos conteúdos de História do último trimestre foi “A vinda dos africanos escravizados para o Brasil”. Os alunos conheceram um pouco mais sobre a cultura desse povo através de uma atividade interdisciplinar . Na aula de Artes a proposta foi confeccionar uma boneca Abayomi.
Você conhece a história dessas bonecas?

BONECAS ABAYOMI: SÍMBOLO DE RESISTÊNCIA

 

Para acalentar seus filhos durante as terríveis viagens a bordo dos navios negreiros  – navio de pequeno porte que realizava o transporte de escravos entre África e Brasil – as mães africanas rasgavam retalhos de suas saias e a partir deles criavam pequenas bonecas, feitas de tranças ou nós, que serviam como amuleto de proteção.

As bonecas, símbolo de resistência, ficaram conhecidas como Abayomi, termo que significa ‘Encontro precioso’, em Iorubá, uma das maiores etnias do continente africano cuja população habita parte da Nigéria, Benin, Togo e Costa do Marfim.  Sem costura alguma (apenas nós ou tranças), as bonecas não possuem demarcação de olho, nariz nem boca, isso para favorecer o reconhecimento das múltiplas etnias africanas.


Professora Daiane